SXSW 2018: ‘Estamos perto de uma revolução tão grande quanto o smartphone’, diz criador da Siri

24155038466314-t1200x480

Em painel durante o SXSW, Adam Cheyner falou sobre o estado atual e o potencial da inteligência artificial combinada aos assistentes pessoais.

Hoje, é raro ver alguém que use qualquer assistente pessoal — como Siri (Apple), Google Assistant (Google), Alexa (Amazon) — com frequência. Apesar de os assistentes pessoais terem chegado ao mercado a partir do lançamento da Siri, integrada ao iPhone em 2011, eles não se popularizaram. O motivo é simples: os sistemas ainda têm muitas limitações, tanto para identificar o que o usuário está dizendo, como para entender qual ação desenvolver. Mas isso deve mudar muito em breve, segundo o criador da Siri, Adam Cheyner. Durante painel no South by Southwest (SXSW) — festival de música, tecnologia e interatividade que acontece em Austin (EUA) até 18 de março –, ele defendeu que está em curso uma nova revolução, impulsionada pelos avanços em inteligência artificial.

“Estamos perto de uma revolução tão grande quanto a da web ou do smartphone”, disse Cheyner, num painel sobre os avanços de inteligência artificial realizado no sábado (10). “Os assistentes pessoais serão usados para tudo e o desempenho deles será melhor do que qualquer outra forma de interação.”


Mais detalhes em: http://link.estadao.com.br/noticias/inovacao,sxsw-2018-estamos-perto-de-uma-revolucao-tao-grande-como-o-smartphone-diz-criador-da-siri,70002222615

GOSTOU DO CONTEÚDO?
Receba nosso conteúdo semanalmente por email!
Odiamos SPAM! Seu email nunca será compartilhado.